Saiba o que é a Acne

A acne é uma condição de pele que ocorre quando os folículos capilares são obstruídos por óleo e por células mortas da pele, mas também pode ser causada pela bactéria Propionibacterium acnes é uma espécie de bactéria Gram-positiva, anaeróbia, que consome as secreções produzidas pelas glândulas sebáceas e, quando entra em contato com os póros cutâneos, leva à inflamação dos folículos pilosos, resultando em lesões popularmente chamadas de espinhas ou acnes.

Além disso, também pode causar blefarite crônica e endoftalmite. Ela é uma condição cutânea de longa duração caracterizada por áreas de pontos negros, pontos brancos, pústulas, pele oleosa e o aparecimento de cicatrizes.

Dependendo do grau de incidência, infecção e dimensão dos pontos de acne sobre a pele, as consequências na aparência podem provocar desde desconfortos pontuais, passando por ansiedade, diminuição da autoestima até, em casos extremos depressão e pensamentos de suicídio.

Acredita-se que cerca de 80% dos casos tenham origem genética.

A Acne possui em média mais de 2 milhões casos por ano no Brasil sendo assim acredita-se que ela seja uma das doenças mais comuns em todo o mundo, atingindo principalmente adolescentes e crianças.

A Acne pode ser classificada como:

  • Acne de grau I: Acne não Inflamatória ou Comedônica
  • A acne não inflamatória/comedônica é o tipo de acne mais comum que existe, ela geralmente é caracterizada pela presença de cravos e espinhas.

  • Acne de grau II: Acne Pápulo-pustulosa
  • A acne Pápulo-pastulosa é um tipo de Acne que costuma apresentar espinhas e manchas avermelhadas e dolorosas estes geralmente inflamados e também apresentam pus.

  • Acne de grau III: Acne Nódulo-quística
  • A Acne nódulo-quística costuma muitas vezes apresentar espinhas internas, um tipo de espinha que é palpitavel e dolorido, elas são cousadas pelo acumulo de sebo na pela, mas quando este tapa totalmente os porros ela cresce para dentrro da pelo, o que faz com que não haja uma erupção da pele.

  • Acne de grau IV: Acne Conglobata
  • A acne conglobata é caracterizada pela presença de espinhas, umas próximas das outras, neste tipo é muito comum a formação de cicatrizas, sendo esta uma forma rara e severa da acne.

  • Acne de grau V: Acne Fulminante
  • A acne fulminante é o tipo mais grave e raro da Acne, ela pode causar dores muscularese deformações no rosto de uma pessoa acometida por esta, por isso ela é uma causa da depressão e de doenças socias, como a fobia social.

  • Acne Neonatal:
  • Este tipo de acne atinge bebês, logo após a liberação dos hormônios maternos, mas este tipo de acne não causa sequelas e nem apresenta nenhum perigo à saúde do bebê.

  • Acne Medicamentosa:
  • A acne medicamentosa é causada pelo uso excessivo de remédios, em sua grande maioria anabolizantes.

  • Acne Solar:
  • A acne solar é tipo muito comum da acne, ela é causada pela exposição extrema aos raios ultra-violeta(UV) ela pode ser previnida com o uso de protetor solar.

 

Causas:

Os hormônios são uma das principais causas de acne em adultos. Nas mulheres, a intensidade da dermatose pode variar de acordo com o ciclo menstrual. A progesterona produzida antes do período menstrual estimula a atividade das glândulas sebáceas. Alguns contraceptivos orais também podem promover a acne em mulheres adultas. 

Nota: uma alta prevalência em mulheres que têm pele oleosa secretando muito sebo, e que experimentam flutuações hormonais significativas. 

Na puberdade, o impulso hormonal provoca uma superprodução de sebo que obstrui os poros da pele. Nas mulheres, as flutuações hormonais antes do período da menstruação pode causar acne. A acne também pode (mas raramente) ser induzida por uma disfunção dos ovários ou das glândulas supra-renais. Outras causas externas também podem desencadear acne: usar medicação (cortisona, lítio, isoniazida), exposição a certos produtos químicos obstrui os poros da pele ou trabalhando próximo ao óleo de fritura. 

 

Os principais sintomas da acne são:

  • Erupções
  • Inchaço
  • Escurecimento da pele
  • Furúnculos
  • Manchas vermelhas
  • Sensibilidade
  • Vermelhidão
  • Espinha
  • Cravo
  • Pus

 

Diagnóstico:

O diagnóstico de acne é feito por um clínico geral ou por um dermatologista. A acne juvenil atual não requer exame adicional. Por outro lado, a presença de acne em uma mulher adulta, requer um exame de sangue e uma ultrassonografia dos ovários podem ser úteis para determinar as causas de uma secreção excessiva de hormônios masculinos. 

 

Tratamento:

Os tratamentos incluem cremes e produtos de limpeza de pele que podem ser comprados livremente, bem como antibióticos vendidos sob receita médica.

Medicamentos:

  • Sabonete antibacteriano: limpa a pele e reduz o risco de infecção.
  • Vitamina E: pode ser usado para tratar degeneração macular e alguns casos de doença hepática gordurosa não alcoólica.
  • Peróxido de benzoílo/ácido salicílico: medicação tópica que reduz as bactérias que causam acne e descama a pele. Para outras dicas de como tratar a acne clique aqui.
  • Anti-inflamatório: Impede ou combate o inchaço (inflamação) nas articulações e nos tecidos.
  • Antibiótico: Mata bactérias ou interrompe o desenvolvimento delas.
  • Derivado da vitamina A: Desobstrui folículos capilares bloqueados e ajuda a evitar a formação de novas obstruções, além de retardar o crescimento de células da pele.
  • Associação de clindamicina e tretinoína: Para o tratamento da acne.
  • Associação adapaleno/peróxido de benzoíla: Para o tratamento da acne

 

Tratamento da cicatriz da Acne:

  • Preenchimento facial com ácido hialurônico
  • Peelings químicos
  • Dermoabrasão
  • Microdermoabrasão
  • Laser e tratamentos de radiofrequência
  • Microcirurgias para retirar as cicatrizes de acne

 

 

Recomendamos ir nos seguintes especialistas, caso ache que está com acne:

Pediatra: Fornece assistência médica para bebês, crianças e adolescentes.

Clínico geral: Previne, diagnostica e trata doenças.

Dermatologista: Trata doenças da pele, unhas e cabelo.

Sobre Nós:

Medicina Virtual é um site com o objetivo de ajudar as pessoas a terem mais conhecimento da área de medicina, aqui você pode saber sobre dietas, saúde, tratamentos, doenças, bem-estar, entre muitas outras coisas!

Siga-nos em nossas redes sociais: © 2018 Medicina Virtual - Todos os direitos reservados

Atenção: O site Medicina Virtual é apenas um site de aprendizado e educação, então nossas informações não devem ser utilizadas para outro fim, a não ser o de aprendizado, sendo assim NÃO substituimos quaisquer exames médicos