Saiba tudo sobre a Alergia a Animais

Alergia a animais é uma reação imunológica do organismo de determinadas pessoas causada pelas proteínas existentes na saliva, pele ou urina de animais. Ocorre, especialmente, em pessoas que têm asma. Geralmente os cães e gatos são os mais responsáveis por causarem esse tipo de distúrbio, mas, pode acontecer alergia, também, em relação à hamsters, cavalos, vacas, cabras, coelhos, ratos e aves.

O paciente alérgico à animais (comprovadamente alérgico, através de teste alérgico para inalantes ou IgE específica no sangue) deve evitar, ao máximo, o contato com esses animais. Caso não seja possível, deve-se banhar os animais, pelo menos, uma vez por semana e evitar a presença deles no quarto de dormir. Em alguns casos, o indivíduo convive por tantos anos com o mesmo animal de estimação, que pode tornar-se tolerante a essa alergia.

 

Causas:

A causa da alergia a animais é multifatorial e depende da interação de fatores genéticos e ambientais. Em relação à pré-disposição genética não há como modificar, mas o ambiente pode sofrer alterações que se relacionam com a mudança do curso da doença.

 

Os principais sintomas da Alergia a animais são:

  • Congestão
  • Nariz escorrendo ou espirrose
  • Falta de ar ou respiração sibilante
  • Olhos inchados ou olhos marejados
  • Coceira
  • Irritação na pele
  • Tosse

 

Prevenção:

Idealmente, é melhor ficar longe da fonte da alergia . Se apesar de tudo o paciente entrar em contato com o alérgeno, algumas instruções podem evitar a crise alérgica: 

  • Lave as mãos depois de acariciar o animal.
  • Evite carpetes, fronhas, bichos de pelúcia e todos os revestimentos nos quais os alérgenos possam ser depositados.
  • Limpe regularmente a casa com um aspirador de pó e lave a alta temperatura os elementos da cama, use capas protetoras.
  • Limpe cuidadosamente a casa, evite carpetes e use aeradores com filtros eficazes.

 

Diagnóstico:

O diagnóstico de alergia a animal é feito por um alergista. O médico será capaz de determinar o seu tipo de alergia através de uma investigação detalhada e  testes cutâneos (intra-dermoreação)

Os testes cutâneos consistem na injecção na pele de pequenas quantidades de alergênios comuns que reproduzem pelo menos as manifestações cutâneas da alergia.

Exames de sangue são solicitados, também, para a determinação dos anticorpos ou imunoglobulinas.

 

Tratamento da alergia a animais:

Evitar exposição ao animal e uso de medicamentos anti-histamínicos, vasoconstritores e costicosteroides que podem reduzir ou eliminar uma reação alérgica.

 

 

Recomendamos ir nos seguintes especialistas, caso ache que está com Alergia a Animais:

Médico alergista e imunologista: Trata alergia e distúrbios do sistema imunológico.

Clínico geral: Previne, diagnostica e trata doenças.

Alergista pediátrico: Trata alergias em crianças.

Hebiatra: Fornece assistência médica abrangente para adolescentes.

Pediatra: Fornece assistência médica para bebês, crianças e adolescentes.

Sobre Nós:

Medicina Virtual é um site com o objetivo de ajudar as pessoas a terem mais conhecimento da área de medicina, aqui você pode saber sobre dietas, saúde, tratamentos, doenças, bem-estar, entre muitas outras coisas!

Siga-nos em nossas redes sociais: © 2018 Medicina Virtual - Todos os direitos reservados

Atenção: O site Medicina Virtual é apenas um site de aprendizado e educação, então nossas informações não devem ser utilizadas para outro fim, a não ser o de aprendizado, sendo assim NÃO substituimos quaisquer exames médicos