Dieta do Dr. Atkins

A dieta do Dr. Atkins é a mais famosa das dietas pobres em carboidratos e ricas em proteínas e gordura.

Robert Atkins é um médico cardiologista que relatou ter observado os efeitos da sua dieta em pacientes cardiopatas, tendo a perda de peso como um efeito adicional.

Ele propõe uma vantagem metabólica da proteína sobre o carboidrato, ou seja, o indivíduo poderia emagrecer independentemente da ingestão calórica.

Atkins recomenda restringir a ingestão de carboidratos para fazer com que o metabolismo do organismo troque o uso de glicose como combustível pela queima de gordura. Esse processo de lipólise (queima de gorduras) começa quando o corpo entra em estado de cetose, como consequência da falta de carboidratos para usar como combustível.

A dieta não restringe calorias, mas com a proibição dos carboidratos a alimentação fica restrita, sendo assim, acaba se tornando monótona e talvez por isso hipocalórica, o que vem a favorecer a perda de peso.
O carboidrato é considerado por Atkins como grande vilão pelo fato de favorecer o aumento da insulina. A insulina seria responsável por um maior acúmulo de gordura, maior retenção hídrica, aumento de triglicérides e maior risco de doenças cardiovasculares.

A dieta do Dr. Atkins por proibir a ingestão de carboidratos, perde-se muita água e massa magra.  É por isso que as pessoas perdem peso com ela.

Porém, perder peso não significa exatamente a perder   gordura. O que precisa acontecer, é a perda da gordura. E isso só acontece com a prática de atividade física correta e uma alimentação balanceada, sem radicalismo.

Cada vez que se perde peso corporal por meio de massa magra e água, o percentual de gordura se eleva. Quando a alimentação volta a ser como antes, muito provavelmente o peso que vem da gordura, vai sendo recuperado aos poucos, o que eleva mais ainda a relação gordura/massa magra.

Vantagens da dieta Dr. Atkins:
- Perda rápida de peso;
- Não há fome, já que a quantidade de alimentos não é restrita.

Desvantagens da dieta Dr. Atkins:
- Perda de massa magra (músculos e líquidos);
- Dificuldade em manter o peso após a dieta;
- O excesso de proteínas pode sobrecarregar os rins;
- Deficiente em algumas vitaminas;
- Pode acarretar alguns tipos de câncer;
- Pode elevar o LDL-Colesterol (o mau colesterol);
- Pode causar tonturas, halitose, alterações no humor e constipação.

A dieta do Dr. Atkins se divide quatro etapas:
Fase de indução - tem a duração de 15 dias. É o estágio onde o corpo passa a utilizar a gordura como fonte de energia, pois o consumo de carboidratos passa a ser no máximo até 20g por dia.

Fase de peso constante – é a fase que irá proporcionar maior emagrecimento durante a dieta. Os carboidratos passam a ter um acréscimo aos poucos na dieta de 5g do nutriente por semana.

Fase pré-manutenção – 10g de carboidratos passam a ser acrescentados à dieta a cada semana. O objetivo dessa fase é se preparar física e mentalmente para conseguir manter o peso atingido.

Fase de manutenção – O objetivo dessa fase é equilibrar a quantidade de carboidratos de maneira a manter o peso perdido, seguindo os hábitos alimentares adquiridos durante a primeiras fases.

Exemplos de cardápio Dr. Atkins:

Obs: Vale ressaltar que não precisa seguir à risca todas as fases, apenas deve-se ter o cuidado para não exceder em quantidades e, vale também, inovar e experimentar novos cardápios.

Também pode te interessar
Saiba quais são as melhores profissões de medicina em 2018
Sobre Nós:

Medicina Virtual é um site com o objetivo de ajudar as pessoas a terem mais conhecimento da área de medicina, aqui você pode saber sobre dietas, saúde, tratamentos, doenças, bem-estar, entre muitas outras coisas!

Siga-nos em nossas redes sociais:
© 2018 Medicina Virtual - Todos os direitos reservados

Atenção: O site Medicina Virtual é apenas um site de aprendizado e educação, então nossas informações não devem ser utilizadas para outro fim, a não ser o de aprendizado, sendo assim NÃO substituimos quaisquer exames médicos