Saiba tudo sobre a Obesidade

Obesidade é uma doença crônica, caracterizada pelo acúmulo de tecido adiposo no indivíduo. Esse distúrbio contribui de forma negativa para o diabetes e doenças cardiovasculares. Para o diagnóstico em adultos, o parâmetro utilizado é o do índice de massa corporal (IMC). O IMC é calculado dividindo-se o peso do paciente pela sua altura elevada ao quadrado. A Organização Mundial de Saúde (OMS), identifica e considera o peso normal quando o resultado calculado está entre 18,5 e 24,9. A obesidade aumenta, consideravelmente, a probabilidade de ocorrência de várias doenças como: doenças cardiovasculares diabetes do tipo 2, apneia do sono obstrutiva, osteoartrite, alguns tipos de neoplasia e depressão. A obesidade é uma das principais causas de mortalidade em todo o mundo, chegando a 3,4 milhões de adultos em consequência do sobrepeso. Geralmente, a obesidade resulta da ingestão de mais calorias do que as calorias queimadas por exercícios físicos ou atividades diárias comuns. Diante desse problema, que vem adquirindo proporções epidêmicas, foi oficializado O Dia Nacional de Prevenção da Obesidade, comemorado no dia 11 de outubro. O programa tem a intenção de, através de ações como: realização de atividades físicas regulares, alimentação adequada e mudança no estilo de vida, prevenir e combater essa doença.

 

Causas da Obesidade:

A obesidade ocorre quando você queima menos calorias do que consome. No passado, muitas pessoas pensavam que a obesidade era simplesmente o resultado de uma falta de força de vontade e autocontrole que levava a excessos e falta de atividade física. Embora essas ações sejam importantes fatores contribuintes, os médicos reconhecem que a obesidade é um problema médico complexo que está relacionado a fatores genéticos, ambientais, comportamentais e sociais. Todos esses fatores desempenham um papel determinante em influenciar o peso de uma pessoa.

Pesquisas recentes mostram que, às vezes, certos fatores genéticos podem causar mudanças no apetite e no metabolismo das gorduras que levam à obesidade. O risco de obesidade é alto para uma pessoa geneticamente predisposta a ganhar peso (por exemplo, devido a um metabolismo mais lento) e a levar um estilo de vida sedentário e não saudável.

Embora a predisposição genética de uma pessoa possa contribuir para a obesidade, esta não é a causa primária. Vários fatores ambientais e comportamentais exercem uma influência maior; Excesso de ingestão calórica de alimentos com alto teor de gordura e pouca ou nenhuma atividade física diária acabará por levar ao ganho de peso. Vários fatores psicológicos também podem promover a obesidade. Um sentimento de inutilidade, culpa, estresse emocional ou trauma pode desencadear um mecanismo de defesa, como comer demais .

Algumas condições de saúde - como compulsão alimentar, doença de Cushing e síndrome dos ovários policísticos - também podem levar ao ganho de peso e à obesidade. A compulsão alimentar é um transtorno alimentar em que a pessoa apresenta episódios de consumo excessivo de alimentos repetidamente. Durante esses episódios, ela come rapidamente uma grande quantidade de alimentos e sente que não consegue controlar esse consumo excessivo.

Os principais sintomas da Obesidade:

  • Excesso de peso ou ganho de peso
  • Dores nas costas
  • Compulsão alimentar
  • Fadiga
  • Ronco
  • Colesterol alto

 

Complicações:

  • Distúrbios respiratórios (por exemplo, apnéia do sono, doença pulmonar obstrutiva crônica)
  • Depressão
  • Diabetes
  • Acidente vascular cerebral
  • Elevação da pressão arterial
  • Osteoartrite
  • Certos tipos de câncer (por exemplo, câncer de próstata e intestinal para homens; câncer de mama e útero para mulheres)
  • Doença da vesícula biliar ou do fígado
  • Doença do refluxo gastroesofágico (DRGE)

 

Diagnóstico:

O diagnóstico da obesidade geralmente é baseado em um exame físico e na história da pessoa (hábitos alimentares e exercícios regulares).

Uma medida chamada Índice de Massa Corporal (IMC) não leva diretamente as dimensões da gordura corporal, mas é uma ferramenta útil para avaliar os riscos para a saúde do excesso de peso ou obesidade. Um índice de massa corporal entre 18,5 e 24,9 é considerado na faixa saudável. O IMC é calculado usando o quilograma (kg) e o metro (m) como unidades de medida em vez da libra (lb), pé e polegar. Observe que 1 lb equivale a 0,45 kg e 1 polegada a 0,0254 m.

Veja como calcular o IMC:

IMC = peso corporal (kg) ÷ altura² (m)

Exemplo: Se pesar 68 kg (150 lb) e medir 1,73 m (5'8"), divida 68 por (1,73 × 1,73) ou 2,99 . Você obtém 22,74 , um valor que está no meio do intervalo de integridade.

 

Tratamento da Obesidade:

  • Mudanças no estilo de vida (inclusão de uma dieta saudável e prática de exercícios físicos)
  • Terapia comportamental (terapia que tem como foco a modificação de comportamentos prejudiciais associados a um distúrbio psicológico)
  • Medicação para emagrecer (ajuda na perda de peso, reduzindo o apetite ou impedindo a absorção de gorduras pelo intestino

Medicamentos:

  • Antidiabético: Controla a quantidade de açúcar (glicose) no sangue.
  • Remédio para emagrecer: Ajuda na perda de peso, reduzindo o apetite ou impedindo que gorduras sejam absorvidas pelo intestino.

 

Prevenção da Obesidade:

  • Exercício físico
  • Dieta de baixo carboidrato
  • Dieta com baixa ingestão de gordura
  • Dieta de baixa caloria
  • Dieta rica em proteína

 

 

Recomendamos ir nos seguintes especialistas, caso ache que está com Obesidade:

Endocrinologista: Trata distúrbios metabólicos e hormonais.

Nutricionista: Especialista em alimentos e dieta.

Pediatra: Fornece assistência médica para bebês, crianças e adolescentes.

Clínico geral: Previne, diagnostica e trata doenças.

    

Sobre Nós:

Medicina Virtual é um site com o objetivo de ajudar as pessoas a terem mais conhecimento da área de medicina, aqui você pode saber sobre dietas, saúde, tratamentos, doenças, bem-estar, entre muitas outras coisas!

Siga-nos em nossas redes sociais: © 2018 Medicina Virtual - Todos os direitos reservados

Atenção: O site Medicina Virtual é apenas um site de aprendizado e educação, então nossas informações não devem ser utilizadas para outro fim, a não ser o de aprendizado, sendo assim NÃO substituimos quaisquer exames médicos